Home / Beleza e Saúde / Outubro Rosa – Juntos somos mais fortes!
02 out.2019

Outubro Rosa – Juntos somos mais fortes!

Provavelmente, você já ouviu falar desta data não é mesmo? Mas, pouca gente sabe os detalhes deste movimento, como e porque surgiu. Então, tentaremos resumir para vocês entenderem um pouco melhor.

O Outubro Rosa é um movimento anual de conscientização na luta contra o câncer de mama. Segundo o Instituto Nacional do Câncer – INCA, o câncer de mama é considerado um tumor maligno e 25% dos casos de câncer no Brasil são os de mama.

O movimento surgiu na década de 90, onde muito pouco se falava em câncer ou então em medidas preventivas. Para conscientizar a população, em Nova York foi realizada a primeira corrida denominada “Corrida pela cura” para arrecadar fundos para a institução Susan G. Komen Breast Cancer Foundation e desde então a corrida passou a acontecer todos os anos. Então, o movimento acabou tomando uma grande proporção e se espalhou pelo mundo chegando inclusive no Brasil.

Outubro Rosa no Brasil

A primeira ação aqui no Brasil, aconteceu em 2002 no parque Ibirapuera, em São Paulo.

Demorou um pouco para que aqui no Brasil, outras cidades além de São Paulo fizessem a consientização mais habitualmente. Somente a partir de 2008 que o movimento ganhou força em várias outras cidades e, muitas delas começaram a iluminar os principais monumentos da região com a cor rosa durante a noite.

Infelizmente, ainda segundo o INCA estima-se que cerca de 59.700 novos casos de câncer de mama sejam diagnosticados no Brasil por ano. O número indica que a cada 100 mil mulheres, cerca de 56 desenvolvem a condição.

Mas, como previnir?

Além da consientização sobre o câncer de mama, o Outubro Rosa serve como alerta para prevenção, diagnóstico e tratamento. Infelizmente, grande parte dos diagnósticos são tardios e por isso a importância do Outubro Rosa para o alerta entre as mulheres e familiares.

Muitas mulheres geralmente descobrem o câncer de mama sozinhas, realizando o autoexame onde descobrem a presença de nódulos e então vão até o médico e realizam o exame que dá o prognostico exato: a mamografia.

Este exame preventivo deve ser realizado a cada dois anos por todas as mulheres com idades entre 50 e 69 anos.

Além destes exames, existem alguns hábitos saudáveis diários que as mulheres podem manter para evitar o câncer, vamos citar alguns deles!

  • Alimentação: Ao incluir frutas e verduras no seu dia a dia, com até duas porções, podem reduzir o risco de câncer em até 17%.
  • Atividade Física: Ao praticar atividades físicas regularmente, o risco de desenvolver o câncer de mama é menor e também melhora as chances de sobrevivência de quem já foi diagnosticado com o problema.
  • Evite fumar e bebidas alcóolicas: O tabagismo pode fazer com que algum antigo câncer volte e inclusive facilite o surgimento de outras doenças. Nem precisamos citar que o álcool também traz inúmeros problemas para a saúde, não é mesmo?

Além de todos esses hábitos, também podemos citar que devemos visitar o médico periodicamente. Afinal, se formos dentro do período inicial da doença é possível trata-la o quanto antes e existindo até mesmo a possibilidade de cura!

Esperamos que tenham gostado deste informativo sobre esta doença e que busquem sempre a melhor forma de prevenção.