Home / Beleza e Saúde / Coronavírus, como ajudar o próximo?
coronavirus-como-ajudar-o-proximo
27 Maio.2020

Coronavírus, como ajudar o próximo?

Em tempos de pandemia, muitas pessoas se sentem incapazes de ajudar. Além de cuidados como ficar em casa, higienizar as mãos e usar máscaras, existem outras formas de ajudar na luta contra os vários efeitos da pandemia, vale qualquer ajuda: doações de sangue, cestas básicas e auxílio financeiro são algumas das medidas que você pode tomar para ajudar o próximo.

Quer saber como ajudar o próximo no combate ao coronavírus? Continue a leitura!

Para o bem-estar de todos!

Além de doações a instituições e campanhas, ajudar quem precisa no dia a dia também é importante. No estado de São Paulo, voluntários se unem para ajudar a rotina dos mais velhos. Além de compras, os voluntários deste mesmo grupo onde vivem em um prédio também se disponibilizam para cuidar dos filhos daqueles que ainda não podem trabalhar de casa. `

As medidas de isolamento social para os que podem ficar em casa são fundamentais, mas quem vive em situação vulnerável como os moradores de rua surge a questão: Como ajudar os moradores de rua no coronavírus? Instituições de caridade como igrejas oferecem abrigo, alimentação e até mesmo kits de higienização pessoal e também doam máscaras – já que o uso é obrigatório para todos, segundo o decreto do governo do estado.

Por que doar em tempos de pandemia?

Motivos não faltam para ajudar quem precisa. Afinal, muitas famílias atualmente perderam suas fontes de renda e passaram a contar com a doação de alimentos e insumos. Algumas escolas montam kits de alimento para doar para cada aluno de sua instituição para que não falte comida em suas casas. Outra maneira de ajudar é fortalecer os pequenos comerciantes do seu bairro, assim eles ainda podem manter o seu trabalho e garantir a renda necessária para sua família. Há quem passou a vender comida para garantir a sua renda mensal ou transformou aquilo que era hobby, como costurar, em fonte de renda – tudo para que não faltassem os insumos necessários para a sua família.

Ajudar a promover o bem-estar geral fortalece a sensação de que não estamos sozinhos e que se pode contar com o outro, mesmo estando de longe.

Ficar em casa já é um ato de amor e responsabilidade imenso nestes tempos. Mas, se você puder, existem outras formas de ajudar e demonstrar carinho a quem está sofrendo mais com essa situação. Seja em formato digital, por meio das redes sociais, seja analógico, em um mural de avisos: toda oferta de ajuda é válida!

É certo que neste momento devemos evitar o contato físico por questão de segurança, mas ainda sim podemos ser presentes. Busque estar em contato através de mensagens, vídeo chamadas e telefonemas, uma simples ligação pode fazer o dia de alguém mais feliz e o seu também!

Nós, da Passarela, permanecemos atentos ao cenário atual de constantes mudanças e nos adaptando a ele. Enquanto isso, bem como todo o Brasil, fazemos a nossa parte para que essa fase passe bem rápido e que tudo se normalize novamente! E fique tranquilo, vai passar!